And what more I need?

  Queria poder fazer tudo que quero, mas me matariam as consequências. Queria poder me culpar, mas perco muito tempo sendo certo. Queria ser sincero, mas me machucaria. Queria ter tudo, mas o nada me consola. Queria ser você, mas me contendo sendo ‘eu’. Queria te mandar sumir, mas perderia meu tempo lhe procurando. Queria sumir, mas você não conseguiria me achar. Queria gritar, mas ninguém me ouviria. Queria ser menos confuso, mas assim todos me entenderiam.

(Source: smeagou)

Eu sinto, eu sigo e eu deixo

me sinto sem chão, enquanto meus pés tocam o piso frio de um lugar desconhecido, habitado por estranhos conhecidos que tentam me ajudar a acordar de uma insônia profunda. seguindo meus instintos, devorando os meus momentos como se fossem uma mesa farta esperando para ser deliciada, agregando conhecimentos antes irreconhecíveis e entendendo que feitio, este meu, será sempre o mesmo.  deixando para trás o que seria o futuro, esquecendo certos hábitos que me conduziam a uma vida simplista. 

-Jonathan Marques

segundo Lacan:

Num dos seus seminários, Lacan retomou esse mito para ensinar que, na verdade, o amor é “o desejo impossível de ser um quando há dois”. Noutras palavras, é o desejo impossível da completude, já que o desejo de um sujeito nunca coincide inteiramente com o do outro. A coincidência que o amante pode celebrar é a da crença na liberdade do amado. Uma crença que se expressa assim: “Faça o que você deseja porque o seu desejo é o meu”. Com ela, a relação se renova continuamente e se perpetua, torna-se possível.
Isso significa que o egoísmo é incompatível com o amor e este requer uma educação especial. Que o próprio amor, aliás, oferece, porque ele torna os amantes inteligentes. A paixão cega, mas o sentimento amoroso ilumina.
O amante não precisa perguntar ao amado o que este quer, pois quem ama sabe a resposta.

roma.

Parece até clichê falar de uma dor que não se sabe de onde vem,  que não se corta  e nem arranha, mas que mexe com todos os sentidos e atitudes. Que te faz dizer o que não quer e fazer o que não se deve. Que te corrói enquanto você tenta não sentir. Que arde quando você quer sentir. Que volta feito um avião em turbulência naquele momento que você acha que passou. É ruim, mas acho que se não passarmos por isto por essa explosão de sentimentos, não vivemos a vida. Pois a vida é baseada neste, que tanto te trás felicidade, mas que trás mais tristeza quando acaba. Este, que chamamos de AMOR.

Mas, o que aconteceu? O que deixamos faltar?

Talvez tenha faltado tudo, ou talvez tenhamos tido tudo de uma só vez e não soubemos administrar, suportar. Eu sei o quanto é complicado carregar um fardo que pesa mais do que nós mesmo. Eu tentei, eu juro que tentei e que ainda tento, mas os sacrificíos uma hora nos machuca, machuca tanto que nem sei como explicar, sei apenas sentir.

" Se você quer que eu siga, você precisa deixar."

19, luz negra. Não esquecerei!
sim, eu amo.

Ela sabe, o jeito de agradar
Um sorriso brincando no olhar
Me fascina com seu jeito de ser
Ela é tudo enfim que eu preciso ter
Ele passa, e o tempo faz parar

Quando fala é música no ar
Me conquista, querendo não querer
Ele é tudo, enfim, que eu preciso ter
Quando bater na porta deixa entrar
Pra te ganhar de norte a sul
No mundo da lua, tudo vai ficar

Descobrir que o amor é azul
Quando a gente gosta, o amor é um caso sério
E tem lá os seus mistérios pra contar
Mas você divide, na metade, um desejo no olhar

Quando a gente gosta,
Vale a pena qualquer coisa
Vale tudo no cantinho pra ficar

Um sorriso pra te convencer
Na luz do luar…

Ele é tudo que faz bem ao coração
Ela sabe que brinca nos meus sonhos
Todo o tempo nos versos que componho
Ele sabe que estou em suas mãos
Ele é tudo que faz bem ao coração

- te amo

nhaaaw!

nhaaaw!

Word Tumblr Themes